quarta-feira, 11 de novembro de 2015

DIA DE CATEQUESE : RETIRO COM AS FAMILIAS

Fizemos hoje o último retiro com os pais da Primeira Eucaristia. E foi especial. Muito especial. Lá estavam crianças e pais com quem estive nos últimos dois e alguns, três, anos. Era a minha "turminha"! E foi extremamente gratificante. 

Fiquei ontem apreensiva e com o coração na mão. Pedi até que uma outra catequista conduzisse o momento especial com os pais, onde fazemos a partilha de sentimentos, experiências e de pão. Achei que não seria capaz. Mas, na hora, a Terezinha me deu um empurrãozinho e saiu, consegui. E saiu uma partilha maravilhosa. Saiu até minhas "confissões inconfessas". O porque de eu ter me apaixonado pela catequese e o quanto sou grata a Deus por Ele ter me dado tantos anjos para cuidar. E ameacei a todos: Ai deles, se não cuidarem direito dos meus anjos de agora em diante!

Um pai me disse uma coisa interessante no fim: Que eu deveria mudar o nome daquilo: Que "retiro" espanta a todos, que ele mesmo, não estava querendo muito ir não, achando que a gente ia rezar o "dia inteiro"e foi a coisa mais divertida que ele já fez. Outros me disseram que a Igreja tem que fazer sempre isso. Que precisamos estar com eles, fazer um "encontro de catequese", com os pais de vez em quando.

E foi esse o nosso "retiro". Um encontro para o almoço, pais e mães conversando e se conhecendo, enquanto os filhos brincavam. Uma sobremesa simples de sagu com creme. Duas horas de Gincana bíblica, com muita brincadeira entre pais e filhos. E uma hora de "espiritualidade", desta vez só com os pais. 

Sentados em círculo, lembrando a Última Ceia e lembrando todos os motivos de porque temos que dar Ação de Graças, partilhando experiências e vivências. Alguns com lágrimas nos olhos. Oração, ligação com aquilo que Cristo nos pediu: Ação de graças! Agradecimento e partilha do pão... e que lá fora juntemos de novo todos os pedacinhos e, como comunidade verdadeira, voltemos a ser pão inteiro, UNO, com o mesmo objetivo: Paz, justiça, amor, fraternidade...

E quero agradecer muito a Rosângela pela sua Gincana Bíblica. Está sendo de uma utilidade pra mim que você nem imagina!

E agradecer também ao Pe. Luiz Baronto, que preparou maravilhosamente um roteiro de encontro para adultos, já no modelo catecumenal, o qual adaptei para fazer com os pais.

E aos meus Anjinhos, por serem tão maravilhosos, participativos, dinâmicos e carinhosos comigo. E aos pais, por me darem a honra e a confiança de conduzir esses anjinhos na fé! E a vocês, maravilhosos amigos que todos os dias leem as minhas bobagens aqui na internet e escrevem coisas tão maravilhosamente cheias de incentivo.

E a minha família, filhos queridos que ficam em casa sem almoço pra mãe sair por aí feito uma doida organizando um retiro por mês! Ao Paulo, adorado, lindo, amado esposo que vira meu motorista, assistente, ombro amigo, carregador... por estar comigo sempre nessas horas, é que eu te amo!. A Paulinha, minha lindinha que acompanha a mãe e participa... Ah! como minha filha participa desses momentos tão maravilhosos!!! E ao Pe. Acácio, por ter ido ao retiro e cantado para o mim o Salmo de Ação de Graças... Amo, amo, amo muito todos vocês!!!

E a Ele, a Deus... Pai, maravilhoso e amado... Que em sua infinita sabedoria sabe dar e tirar na hora certa. E que muito tem me dado... Muito, demais até. Muito mais do que mereço.


Ângela Rocha
Catequista

SEGUIDORES DO CATEQUISTAS EM FORMAÇÃO