quinta-feira, 29 de setembro de 2016

CATA-VENTO: CONSTRUINDO A IDENTIDADE CRISTÃ

ROTEIRO PARA ENCONTRO DE PAIS

Qual afinal é a nossa missão no mundo? Qual é a nossa Identidade Cristã?
Temos uma “carteira de identidade cristã”? Como somos “reconhecidos” em nossa fé?

O Concílio Vaticano II pediu a restauração do Catecumenato, que é a catequese feita nos primeiros séculos, quando se estava ainda construindo o cristianismo. Esse pedido do conselho vem do fato de que, hoje o cristão vem perdendo a sua identidade. Essa catequese dá base a uma verdadeira Iniciação à Vida Cristã e com os sacramentos do Batismo, Crisma e Eucaristia, e leva a uma identidade cristã.

Com a catequese de Iniciação à Vida Cristã, retomamos a História da Salvação situando cada pessoa como parte importante dela. Somos o Povo de Deus hoje, a nossa missão é anunciar levando a salvação a todos.

É interessante introduzir esse conteúdo após uma retomada da História da Salvação ligando assim a nossa missão de anunciar e de levar a Salvação hoje.

Mas, como se deu o início dessa história?

O homem e Deus...

A Bíblia nos conta, em Gênesis, que Deus fez um plano de amor criando o homem e a mulher e colocou-os no Paraíso. Deus que é Família Trinitária, extravasou seu amor dizendo: “Façamos o Homem à nossa IMAGEM e SEMELHANÇA” (Gn1, 26).

Vamos entender melhor essa imagem e semelhança usando massinha de modelar:


Boneco: (criar um bonequinho simples com massinha) imagem de Deus é alguém com capacidade de amar e conhecer a Deus, é pessoa com inteligência, vontade e liberdade.

Semelhança: (fazendo uma argola de massinha) é um ser na perfeita harmonia consigo, com o outro, com Deus, com toda a criação. Essa semelhança se manifesta na santidade, no sentimento de justiça, um ser glorioso.

(Colocar a auréola (argola de massinha), no boneco).

Assim o Ser humano (boneco) com imagem e semelhança (a argola) de Deus, foi criado para servir e amar a Deus e Deus ofereceu-lhe a toda criação. (CIC 355 ss).

Mas o homem/mulher tentados pelo diabo, quis “ser como Deus”, assim abusa de sua liberdade desobedecendo, traindo a confiança da bondade de Deus.  Quebra a harmonia e a aliança com Deus por meio do pecado. Perde assim a semelhança com o criador e sua imagem é desfigurada. (CIC 396ss).

(Tirar a auréola (argola) do bonequinho de massa, separando-os).

Mas, Deus NÃO desiste do ser humano, não o abandona. A Bíblia relata as várias tentativas que Deus faz para nos resgatar. Assim, temos as Alianças firmadas com Noé, Abraão, Moisés e por fim Jesus a Nova e Eterna Aliança.


Em cada Aliança, temos um sinal visível: o arco-íris com Noé, a circuncisão com Abraão, a Lei (mandamentos) com Moisés e com Jesus a Eucaristia.





Jesus encarnando assume a imagem de homem e vem para restaurar a semelhança com o Pai. Jesus verdadeiro homem, verdadeiro Deus se faz pequeno para nos elevar à condição de filhos do mesmo Pai. Com sua paixão, morte e ressurreição, o Mistério Pascal, liberta-nos da escravidão do pecado, abre para nós uma nova vida.

Com sua volta ao Pai, Jesus quis se fazer visível através de sua Igreja com os sacramentos. Deixa clara a nossa missão: “Ide e fazei...”.

 


Como discípulos somo também IGREJA... (Incentivar a cantar). 

E para entendermos melhor como somos IGREJA, e como está construída nossa IDENTIDADE CRISTÃ, vamos construir juntos um CATA-VENTO:


Cada peça tem um significado especial que nos levará a perceber como se tira a “carteira de identidade do cristão”. Ao final teremos um “Cata-vento Cristão”!

CATA-VENTO PRONTO

 PEÇAS DO NOSSO CATA-VENTO: Um recorte quadrado de papel colorido dupla face de 12X12 cm, um hashi (palito de madeira para comer comida chinesa) com um furinho na ponta mais larga. Um envelope com as peças pequenas. Um envelope para conter todas as peças.


CONTEÚDO DO PACOTINHO BRANCO: Um rebite pequeno, uma semente de açaí redondinha (com furo, bijuteria), uma pérola com furo (bijuteria), um decalque de coração.

(Rebite: pequena haste cilíndrica de metal, com cabeça cônica ou fendida em uma das extremidades, destinada a ser introduzida em um furo, de tal modo que a outra extremidade sobressaia e possa ser rebatida para formar nova cabeça; é empregada para unir peças).


1- Vareta: É o Cristo que nos une a Deus como Ele mesmo disse: Ninguém vai ao Pai se não por mim...Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Jesus permanece entre nós em sua Igreja, através dos sacramentos nos comunica o seu Espírito Santo. Esse Espírito é nossa força para vivermos como discípulos de Jesus crescendo sempre no seu conhecimento, amor e seguimento.


2- Rebite: Somos nós. Através do Batismo enxertamos nossa vida na Vida de Jesus, somos incorporados na Família Divina chamada Igreja. Tornamos-nos Povo de Deus, nascemos para uma Nova Vida. Inserindo a cabeça do rebite na vareta concretizamos as palavras de Jesus: “Eu sou a videira, vós sois os ramos”. O Batismo coloca a semente da fé, nos dá o Espírito Santo, a força para sermos outros cristos.




3- Semente: vamos inserir a semente no rebite, na certeza que ela precisa ser cultivada. Ela é um projeto de vida. Seu desenvolvimento se faz numa comunidade.



 4- Papel quadrado colorido: Anexar o papel no rebite demonstrando nossa vida em Comunidade: família, clubes, associações, somos criados para viver em comunidade a exemplo da Família Trinitária. É na Igreja, comunidade de fé, que partilhamos a Palavra, participamos das celebrações, dos sacramentos, crescemos na vivência do Evangelho. As primeiras comunidades cristãs   narradas em At 2, 42 nos fornece o modelo de vida que pode nos dar Identidade de Cristãos. O ponto máximo de identificação com a pessoa de Jesus está na vivência do mandamento do Amor. Mostrando a unidade na diversidade dos batizados, sinalizando nossa união a Cristo, vamos prender cada lado do papel ao centro. São 4 triângulos que se vergam a Cristo-cabeça colocando seus dons a serviço.


5- Adesivo de coração: Assumindo nossa missão vamos colocar o coração prendendo o papel. Pelo amor seremos reconhecidos como João 13,33 relata a afirmação de Jesus: “Nisto reconhecerão todos que sois meus discípulos se tiverdes amor uns pelos outros”. É esse amor que sinaliza a nossa “identidade cristã”. Se somos cristãos com carteira de identidade, vivenciamos o estilo de vida de Jesus, assumimos a missão de anunciar e realizar o Reino de Deus. Esse Reino que no Evangelho é colocado como uma pérola rara, de tão grande valor que por ela investimos tudo (Mt 13, 45-46).


 6- Pérola negra: Finalizamos nosso cata-vento colocando na ponta a pérola. A missão de Cristo é a nossa missão. O impulso para levar essa Boa Nova ao mundo é a força de Espírito Santo. Temos que posicionar nosso cata-vento a favor desse vento para ele girar. O sopro que nos impulsiona a cumprir o mandado de Jesus : “IDE, e fazei que todas as nações se tornem discípulos, batizando-as em nome do Pai, do Filho e do  Espírito Santo e ensinando-as a observar tudo quanto vos ordenei. E eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos”. (Mt 28, 19-20).


Está pronto o nosso CATA-VENTO!

OBS: conteúdo baseado no CIC e Bíblia.

Helena Maria Okano
Catequista – Londrina PR.





SEGUIDORES DO CATEQUISTAS EM FORMAÇÃO