sexta-feira, 2 de setembro de 2016

ALGUMAS COISINHAS BÁSICAS SOBRE CATEQUESE...

Umas coisinhas que encontrei em minhas gavetas:

1. Catequese é mais do que ensinar doutrina.

2. “Se o rebanho é mau, a culpa é do pastor.” Que drama! Calma. É apenas para dizer que a mudança tem de começar por você, em vez de estar sempre a culpar as pobres ovelhas e a falta de bom pastor...

3. A capacidade de atenção de um adulto resume-se a 20 minutos, a atenção de uma criança a 3 minutos, e a de um adolescente a 2 segundos (piadinha… mas dá que pensar!).

4. Sem acolhimento e sem nada que os interesse, não se espante que eles estejam sempre muito irrequietos e faladores.

5. Catequese é mais do que uma atividade “fixa”, extra escola. Não é “aula de inglês”, “balé”, “aula de violão”, “judô”...  Não é pra ser enfiada no “meio” da agenda atribulada das crianças.

6. Fazer um encontro fora das paredes da sala pode ser uma ótima experiência. Mas se está à espera do tempo ideal, do sítio ideal, do grupo ideal… Espera sentadinho, não vai surgir tão cedo...

7. Interiorizar a palavra é mais do que explicar o sentido das coisas. Use a retórica (a arte de comunicar). Falar bem ajuda a encontrar eco junto da mensagem.

8. Se você não conseguir resumir o seu encontro numa única frase-chave, é melhor repensar tudo.

9. Uma fotografia, ou qualquer outra imagem, serve para ajudar e não para atrapalhar, distrair ou complicar.

10. Catequese é mais do que lições de moral e bons costumes.

11. Como diz a canção: se um catequizando desinteressado incomoda muita gente, dois catequizandos desinteressados incomodam muito mais! Conquiste-os um a um e não desista só porque acha que um deles “não tem remédio”.

12. Só porque o itinerário catequético ou manual não se adapta ao teu grupo, não significa que deva ser descartado por completo. O mapa pode estar desatualizado, mas continua a ser útil se te indicar onde fica o ponto A e o ponto B.

13. O planejamento serve para te ajudar e não para te cegar perante os imprevistos. Sempre que necessário, atreva-se a reformular o tópico e a abordagem, por favor.

14. Procure ser simples e eficaz, deixa o floreado para as flores.

15. Catequese é mais do que espiritualidade barata.

16. Acompanhamento pessoal é poesia quando o catequista tem mais de vinte crianças/adolescentes sob a sua responsabilidade.

17. O exemplo da “catequese de Jesus” é para ser seguido. Caro catequista, estudá-Lo de forma mais científica não vai te fazer mal nenhum.

18. Agradar a gregos e troianos incapacita qualquer um de criar identidade de grupo ou de elaborar um trabalho coerente e responsável. Entende? É que ninguém gosta de barata tonta…

19. Quando tudo o resto estiver esquecido, lembre-se: seja autêntico!

20. Catequese é mais do que “catequista+grupo+ Igreja”. É ENCONTRO de pessoas!

Ângela Rocha

(Texto adaptado)

SEGUIDORES DO CATEQUISTAS EM FORMAÇÃO